Resenha do livro: A ordem de extermínio

Se você é um grande fã da saga Maze Runner, sabe que o autor James Dashner, escreveu um livro contando como começou o processo de cura, ou mais conhecido como o CRUEL.

image

No livro, ele conta a historia de Mark e Alec, um jovem e um ex-militar que se conheceram devido a um tipo de acampamento onde os sobreviventes viviam. Mark perdeu os pais e a irmã mais nova para o vírus que atacou a todos, que até então, é desconhecido. A única pessoa que está com ele, é sua melhor amiga e paixão, Trina.

Alec, Mark, Trina e Lana, ex-companheira de guerra de Alec, acabam encontrando um Berg, e nessa viagem, para saber para que ele está ali e para aonde vai, a historia fica interessante. Com eles, tinha mais três amigos, que infelizmente acabaram morrendo pelo vírus, que mata aos poucos, como se fosse bichinhos comendo o cérebro.

Os quatro, esbarram em uma vila abandonada, com apenas uma menina, Didi, com apenas cinco anos, que foi abandonada pelas pessoas que viviam ali, que após passar um Berg atirando dardos com o vírus, ela apesar de ter sido aceita, não foi contaminada, que para os moradores da vila, ela é o demônio enviado para acabar com a espécie humana.

Mesmo com medo, eles levam a garotinha com eles, e encontram o novo esconderijo deles. Mark e Alec vão ver o grau de sanidade deles, mas nesse tempo, as garotas são capturadas, e eles não fazem ideia de onde elas possam estar e onde.

Ao voltarem para o Berg, eles descobrem mais sobre como o vírus esta contaminado a todos e estão mais próximos de saber o motivo desse vírus estar se espalhando cada vez ais rápido. Assim que eles descobrem onde as meninas estão, eles invadem a vila, pela terceira vez, mas desta vez, pelas meninas. Infelizmente, eles não salvam todas.

As pessoas estão em um grau de loucura, que eles não são mais humanos, agem como animais selvagens e irracionais. Quase morrem, mas conseguem levar Trina e Didi para o Berg, mas Trina não se lembra de Mark, e tenta proteger a menininha de tudo. Mark quer levar a Didi para os criadores do Berg, para que eles possam, de certo modo, “estuda-la” para ajudar na cura do vírus, e é exatamente o que eles fazem.

Com Alec e Mark, podemos ver o quão difícil é estar no fim do mundo junto com as pessoas que ama, ainda mais, sabendo que a qualquer momento, você ou eles podem enlouquecer e deixar de ser humano. O legal, é que temos uma base porque o CRUEL faz o que faz e por quê. Não é o melhor dos livros, até mesmo porque, eu demorei muito a realmente a entrar na historia, mas quando cheguei ao final, senti um aperto no coração pelo Mark, Alec e Trina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s