Saiba tudo o que rolou na semana de moda em Nova York

Na ultima semana, entre dos dias 8 ao dia 15 rolou a semana de moda em Nova York, com grandes símbolos da moda para o outono-inverno 2016/2017 e para primavera-verão 2017.

Tom Ford

Foi o primeiro desfile da semana, o desfile foi feito no estilo see-now-buy-now. O começo foi com mulheres nuas, obesas e de meia-idade se divertindo, deixando claro a ideia de que as pessoas devem se aceitar de como elas são e não como queriam ser. As roupas ganham a saia lápis mídi, vestidos com modelagens simples, paetizado e longo, as modelagem mostra bem as curvas e são confortáveis. Os meterias usados são pele, couro, tweed e pluma, apenas matérias nobres.  Para os homens, gola alta, alfaiataria e veludo, com ousadia em estampas geométricas coloridas.

Michael Costello

Com fendas altíssimas, decotes profundos e muito tecido leve para o verão, acessórios e muita flor, que aparecem nas cabeças e em bordados, as cores são escuras e variam muito entre o vinho e o roxo.

Thakoon

Cheio de casacos amarrados na cintura e no pescoço, as cores são mais escuras, com um detalhe de ponto de luz em um vestido todo amarelo, e em algumas peças que aparece discretamente em algumas peças com a mesma cor, xadrez também ganhou espaço nos casacos, saias, vestidos e calças.

Tommy Hilfiger

Desta vez eles desfilaram a coleção parceria com a modelo Gigi Hadid, que traz muita mistura de casacos pesados e tricôs de gola alta, com bodies e vestidos leves. O estilo navy que já é clássico da Tommy aparece mais forte ainda, com ancoras, listras, botões, mas o que destaca são os modelos mais voltados para uma pegada esportiva, como uniformes, o oversized esta de volta.

Lacoste

Inspirado na Villa Malaparte, uma casa ícone da arquitetura moderna em Capri, Itália, o criador Oliveira Baptista trás esse ar fresco e soltinho, as peças são esportivas com um toque urbano, com capuz, moletons de cintura alta e casacos oversized tanto para mulheres quanto para os homens, além de cintos e faixas que marcam as cinturas em vestidos de botões e cores como Amarelo, laranja, azul marinho, rosa, branco e cinza.

Christian Siriani

Muita cor para essa coleção, laranja, azul-turquesa são as principais, tanto em estampas como em looks monocromáticos e vibrantes, em vestidos, já que é o foco da marca, vestidos de gala e tapetes vermelhos, os vestidos estão vêm versões em babados e mais sensual valorizando o corpo, a silhueta de ampulheta.

Alexander Wang

Alexander Wang usou os filmes “50 tons de cinza” e “Os Reis de Dogtwon” para descrever a sua coleção, a camisa social de Christian Grey é descontruída e aparece em croppeds, saias e vestidos, já os moletons em cores neons e roupas inspiradas na moda de praia que trás o ar da Califórnia do filme, como skates e surfe, um elemento forte é a barriga de fora, coberta apenas por amarrações. O desfile ainda teve uma supressa, o estilista afirmou uma parceria com a marca Adidas.

Victoria Beckham

Sensualidade e elegância é a marca, com peças drapeadas e soltinhas, com um ar de frescor com veludo molhado, e tecidos acetinados, barriga de fora e muita calça. As cores em tons terra, turquesa e roxo, brincando muito como revelando partes do corpo, os destaques ficaram para os vestidos drapeados midí e tops com shape diferente.

McQ Alexander McQueen

Inspirados em estilo dark e undergound da artista dos anos 80, Lydua Lunch, a 2ª marca de Alexander, tem influencia em sapatos pesados com tachas e solados grossos, roupas de couro e jeans, as peças pesadas intercalam com vestidos-camisola, renda e jacquard, estilo botânico e camurça roxo, homenagem ao cantor Prince.

Opening Ceremony

A apresentação foi superdiferennte, eles usaram modelos com atrizes comediantes e fizeram sátira como se fosse um concurso de beleza político, para falar sobre a corrida presidencial dos EUA, o casting foi um dos mais divertidos e com diferentes corpos. As roupas vieram com baste azul, branco e vermelho, as cores da bandeira americana. Listras, babado, transparência e um toque esportivo deixam o look menos formal, com destaque em sobreposições, deixando mais moderno.

Altuzarra

A coleção esta mais sensual e mais feliz do que o costume, parecido com o filme “Coração Selvagem” de David Lynch de 1990, inspiração com frutas bordadas, tricô de crochê, ombros de fora, flores, estampas lisérgicas bem anos 90, cores fortes como rosa-choque, ainda com a pegada militar, mas a novidade é o bustiê com babadinhos ousados.

DKNY

A coleção foi feita antes de ser vendida para a DKNY, o grupo antes LVMH, o tema foi inspirado no futuro, o que era que estava acontecendo com a dupla de estilistas Maxwell Osborne e Dao-Yi Chow. Cyberpunk suave, capuz, toques esportivos e utilitários bem moderno.

Layana Aguilar

Mineira que participou do programa americano “Project Runway” em 2013, faz seu primeiro desfile em NY, muito neoprene, recortes estratégicos e transparências, bordados e estampas com beija-flor.

Jeremy Scott

A coleção é uma mistura de referencias, color blocking neon, vinil, que trazem um ar de musical pop e rock dos anos 80, já o sexo, vem na frase “rated X” (não indicado para menos de 18 anos), zíperes abertos e corpo à mostra, no final do desfile, alienígenas entram usando paetê em onda de gosma verde, um dos looks até um prédio coberto de meleca, o que é que esses alienígenas trazem uma cidade coberta por gosma.

Diana von Furstenberg

A estreia do estilista Jonathan Sanuders vem em forma de apresentação e não de desfile, foi apresentado apenas para alguns jornalistas, que estava sendo uma grandes expectativas, já que ele é escocês e a marca tem grande influencia americana. As estampas, o vestido-envelope anos 70, com seus toques assimétrico, oversize moderno mais arrojado e menos comercial, foi uma mudança boa, mas agradou a maioria do publico.

Rodarte

Uma mudança grande na Rodarte, as irmãs Kate e Laura Mulleavy encontraram uma forma de deixar os looks de forma da “montação rodartiana” mais comercial, os vestidos ainda são de trabalho intenso de ateliê, mas se aproxima do que as celebridades usariam nas tapetes vermelho. Badados, volumes, transparência  com calças, jaquetas roqueiras com franj,as florais folk e assimetrias.

Vera Wang

A força feminina esta com tudo, sintetizou a Chanel, com silhuetas retas, roupas curtas, alfaiataria e muito preto, para tirar o clima sombrio, perolas de vários tamanha tiram o efeito, com transparência e looks inteiro branco, ombros e barrigas de fora são o contraste da coleção.

Coach

Inspirado no cantor Elvis Presley combinado com o grounge dos vestidos que lembram camisolas à Courtney Love, com couro à Marlon Brando em “Selvagem da Motocicleta”, com jaqueta college, jeans dos “Rebeldes se Causa” com floral ingênuo do interior.

Geová Rogrigues

Mais uma estilista brasileira, a coleção é inspirada em seus 5 anos de coleção inspirada no dia a dia onde ela vive e trabalha, o East Village, são 20 vestidos e 6 looks masculinos.

Carolina Herrera

Trás de volta a mulher contemporânea em mente, saias volumosas de cintura alta e o brocado são presenças fortes, os looks de festas tem um ar mais leve, as modelos usaram flats, e as cores são bem suave e alguns vestidos são feitos inteirinho de jeans.

Michael Kors

Com pegadas anos 40, ombros maiores, cintura marcada e cabelo pro lado caindo por cima de um dos olhos, aparências florais ingênuos, alfaiataria oversize, babados, mangas longas e tendência bustiê, destaque como hot pants de cintura alta.

Ralph Lauren

“See-noe buy-now” é a grande tendência desta temporada, como outras marcas, Ralph Lauren também está participando do esquema, disponibilizando suas roupas para todos comprar. O desfile tem grande pegada country, com bordados, maxicintos, ponchos, estampas à tapeçaria navajo e chapéu de caubói, é tradicional da marca se manter legal a historia do país, os tons são neutros como off-white, marrom e bege, mas com surpresa de cores vibrantes com plumas e paetês, levando o velho-oeste para as baladas dos anos 70.

Marc Jacobs

Inspirados nos anos 90, o hedonismo plataformas desafiadores, dreads à Lana Wachowski, brilhos, animal print, prateado, camuflado, babado, pluma, transparência, a silhueta é tipo Monster High, com pernas de fora ou calça skinny, com volumes no top, principalmente nos ombros e mangas. Vestidos baby doll metalizado, looks para balada com Harajuku, com a artista Julie Verhoeven que faz intervenção com bordados e pílulas.

Thom Browne

C.Z.Guest por Slim Aarons e as obras de David Hockney tem algo em comum, as piscinas, o cenário utilizado para trazer a passarela os looks com floaris, em cores pastel e muito trompel’oeil com fitas em vestidos com mangas e retos.

Oscar de la Renta

O bucólico e o despojado chega nos vestidos soltos em tecidos leves, as cores são claras e estampa Paisley, para a noite tem brilho e jogo de bordados, plumas e sais volumosas.

Marchesa

A coleção vai desde ao nascer do sol às altas-horas da noite, com varias cores, como rosa, azul-claro, roxo, tecidos leves são drapeaos usando babados e ampliações 3D, bordados metalizados com brilho e luxo, tipo estilo de vestido de princesa.

Desigual

A marca usou uma maquiagem nada simples, eles usaram os queridinhos filtros do aplicativo snapchat para a beleza, como o cachorrinho, a abelha, coroa de flores e vários outros.

 

Hood By Air

Sempre capricham na beleza, teve alienígenas, presilhas tic tac e até contorno à Kardashian, mas desta vez eles fizeram algo mais polemico, com patrocínio do PornHub, um site de filmes pornôs, os modelos desfilaram com cabelos besuntados de vaselina com textura e o rosto molhado, tipo pós-sexo. De acordo com Inge Grognard da M.A.C, as referencias são diversas, como de Donatella Versace e Rihanna antes da fama, passando pelo bagunçado das crianças e a própria vaselina.

Polemica dos dreads

As modelos de Marc Jacobs foram às passarelas usando dreads de lã multicolorido no cabelo, com a maquiagem metálica, cílios de bonca e gloss, trás o aspecto dos anos 90, o estilista recebeu muitas criticas por serem modelos brancas usando dreads.

Essa semana está acontecendo o London Fashion Week, em breve terá resumo aqui no blog!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s